fbpx

Mais de US$ 60 milhões já foram arrecadados por startups do setor de energia no Brasil este ano

A energia renovável é a categoria que mais recebeu investimentos

Segundo levantamento apresentado pela Distrito Dataminer, empresa de inteligência de mercado da Distrito, plataforma de inovação aberta, com participação da KPMG, foram recebidos US$ 66,4 milhões em 2021 pelas startups brasileiras do setor de energia. A energia renovável é a categoria que teve mais representatividade de investimentos.

De acordo com a pesquisa, existem hoje no Brasil mais de 157 startups voltadas para o setor de energia. Essas empresas receberam juntas, desde 2015, mais de US$ 85 milhões. Ou seja, o valor registrado apenas neste ano corresponde a mais de 78% do total histórico.

As startups dedicadas ao setor de energia renovável já arrecadaram US$ 62 milhões nos últimos 6 anos. Gustavo Araujo, cofundador e CEO da Distrito, afirma: “O número crescente de startups e investimentos no setor muito provavelmente se deve a gama de problemas encontrados para a instauração de uma nova matriz energética”.

“O Brasil é referência na produção de energia renovável, mas há ainda um gigantesco potencial ainda não explorado. Falamos aqui de um mercado com pouca competição, o que pode alavancar muitas dessas startups a protagonistas de uma transição energética efetiva”, explica Araujo.

Fonte: Portal Solar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *